12M+15O+15S+2M=Eleições?

Faltam 5 dias para a manifestação de 2 de Março. Clica na imagem e participa!

Não deixa de ser um bom sinal que, de manifestação em manifestação, os governos acabem por cair. Porém, “a devolução da palavra aos cidadãos” com que tantos democratas gostam de encher a boca, não pode ficar só pelo regresso às urnas de voto. A alternância do poder e a falta de respostas à esquerda a isso nos obriga. Por isso mesmo, mais do que encaminhar os processos de luta para as eleições, importa estimular e desenvolver processos de duplo poder, onde as pessoas tomem as rédeas dos acontecimentos e, independentemente do governo de turno, sejam capazes de interpretar no terreno os processos de emancipação que não podem esperar pelos amanhãs que tardam em cantar.

Advertisements

About zenuno

http://despauterio.net
This entry was posted in 5dias. Bookmark the permalink.

10 Responses to 12M+15O+15S+2M=Eleições?

  1. Maria das Dores says:

    12M+15O+15S+2M=Eleições=PS+PSD+PP=Memorando da Troika

  2. JgMenos says:

    Que diz a umas cooperativas que possam sustentar umas tantas bocas e dêem exemplo desse ‘tomar as rédeas’ que não seja acção de ocupas e outras anarco-demonstrações?

    • Nuno Cardoso da Silva says:

      Há muito que defendo a auto-gestão das empresas como forma de mudar o sistema. Mas isso tem de passar pela ocupação dessas empresas por parte dos trabalhadores. Se estivermos à espera da constituição de cooperativas de raíz, nem de aqui a 500 anos lá chegamos. A forma está correcta, o método para lá chegar é que tem de ser mais vigoroso…

  3. Vasco says:

    Quanto à «falta de respostas à esquerda» não sei de quem fala o Renato, mas do PCP não é certamente. Há muito que este partido tem propostas e soluções, a serem construídas pela luta organizada e crescente dos trabalhadores e do povo, reunidas em nove eixos centrais:
    – a valorização do trabalho e dos trabalhadores;
    – a defesa dos sectores produtivos e da produção nacional;
    – a afirmação da propriedade social e do papel do Estado na economia;
    – uma administração e serviços públicos de qualidade ao serviço do país;
    – a democratização e promoção do acesso ao desporto, à cultura e à defesa do património cultural;
    – a defesa do meio ambiente, do ordenamento do território e a promoção de um efectivo desenvolvimento regional;
    – a defesa do regime democrático de Abril e o cumprimento da Constituição da República;
    – a efectiva subordinação do poder económico ao poder político;
    – a afirmação de um Portugal livre e soberano, e de uma Europa de paz e cooperação.

    Que dizes disto?

  4. tiago says:

    Renato não me digas que estás com medo da manifestação de sábado? Já preparas o caminho para que se houver eleiçòes o BE e o PCP não subam? A dias de uma manifestação em que sabes que CGTP, BE e PCP vão mobilizar, qual o teu medo? Deixa a tua angústia anti-comunista de lado até sábado, deixa o governo cair e depois volta ao trabalho de garantires que PS ou PSD ganhem com maioria com CDS. Calma homem, assim dás muita bandeira, e não te pagam para seres burro.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s